Em praticamente todos os artigos que você ler sobre ações de marketing, publicidade e comunicação certamente encontrará o termo “público-alvo”, mas afinal, o que seria esse público e como fazer para identificar o público-alvo correto para não criar ações que sejam uma furada?

É isso mesmo, se você não souber exatamente quem é o seu público e promover uma ação para o público errado, os resultados esperados não serão convertidos e a culpa não é da campanha, mas da falta de pesquisa e planejamento. Então, mãos na massa e vamos conhecer alguns fatores importantes neste processo.

Como identificar o público-alvo correto

Identificar o público-alvo correto é um passo fundamental para o sucesso do seu negócio

Muito mais do que sexo, idade e localização geográfica

Existem fatores que são comuns quando estamos segmentando o público que atendemos para descobrir quem exatamente é o público-alvo. Elementos como sexo, idade e localização onde seu público se encontra são básicas, fundamentais, mas básicas. Para ter resultados, é preciso ir muito além.

A determinação de novos fatores não é tão simples e depende do seu tipo de negócio e qual a mídia que irá usar.

Público-alvo no negócio local

A resposta que todo empresário de um negócio local me daria é “meu público-alvo são as pessoas do meu bairro, ou cidade, ou região”. Óbvio. Mas será que todas as pessoas que residem ali são seus clientes em potencial? E as pessoas que só frequentam a região? Que trabalham por ali? Elas não são seus clientes? E quem são essas pessoas? Mães? Adolescentes? Pessoas que gostam de praticar esporte ou algum hobby específico? Será que elas gostam de acordar cedo ou curtem uma vida noturna?

No negócio local, o público-alvo tem que ser analisado pelos seus hábitos, horários e consumo. Além do básico citado no tópico anterior. Veja quais são seus produtos mais vendidos ou serviços mais solicitados. Faça uma lista pensando que perfil de pessoas poderia se interessar por cada um deles.

Pense num perfil comportamental, nas necessidades, sonhos, desejos, medos, preocupações…

Público-alvo no marketing digital

Se o seu negócio é virtual como um e-commerce ou se a divulgação será por meios digitais, como Facebook e Google Adwords, existem diversas ferramentas que ajudarão neste processo. A grande maioria te dá essa análise de público com os relatórios finais após o início da campanha, mas aí já é tarde pra você, pois só poderá usar essa informação para a próxima. Mas seguem algumas dicas para quem tem página no Facebook, por exemplo:

– Coloque o seu Facebook no idioma inglês, que permite mais usabilidade:

Para saber das pessoas que curtem sua página, que outras páginas elas também curtem (assim, você saberá o quão envolvidas no seu segmento elas estão e quais são os outros interesses delas).

– Escreva na barra de busca: Pages liked by people who like (nome da sua página)

Para saber quais páginas um público de determinada faixa etária curte.

– Escreva na barra de busca: Pages liked by people who are older than 25 and like (nome da sua página)

Para saber o interesse do público que curte a sua página.

– Escreva na barra de busca: Favorite interests of people who like (nome da sua página)

Para saber de quais grupos os curtidores da sua página fazem parte.

– Escreve na barra de busca: Groups of people who like (nome da sua página)

E assim você pode criar vários tipos de comandos em inglês que te deem resultados para conhecer melhor o público da sua página.

Se você tem um site ou um blog, a opção de enquetes ou questionários é bastante utilizada. Mas fique atento, o uso de questionários não pode ser algo constante e nem pode ser uma pesquisa muito extensa, até cinco perguntas é o mais indicado.

Consegui identificar o público-alvo correto… e agora?

Depois de analisados quem são seus principais e potenciais clientes é hora de usar isso a seu favor. Comece analisando a linguagem com que você se comunica com ele, se o vocabulário e a forma de tratamento estão adequados.

Reveja layouts de materiais de divulgação, de anúncios e tags dentro da sua loja. Veja as fontes (letras) que utiliza, as cores, os tamanhos. Tudo deve ser refeito de acordo com o gosto e as necessidades dos seus clientes.

Pense em ações promocionais que poderiam interessar a eles, como degustações, descontos, cupons, fidelização, brindes, enfim, o que esteja de acordo com o seu negócio e o seu público-alvo.

Depois de tudo analisado e as alterações necessárias feitas, preste atenção aos resultados e compare aos de ações anteriores. Públicos podem mudar, é normal, o importante é você estar sempre atendo e saber reconhecer e como trabalhar com esse perfil em potencial.

melhores empresas de publicidade em Bom Jesus da Lapa

Dicas Essenciais de Marketing:

1 – 5 ações de marketing promocional para conquistar seus clientes
2 – Como identificar o público-alvo correto
3 – 5 dicas de marketing para gastar pouco
4 – Fabricar ou revender? os prós e contras de cada negócio
5 – Prestação de pequenos serviços agregado ao seu negócio (Em breve…)

Série especial sobre Publicidade Tradicional:

1 – Como ter mais eficiência na publicidade tradicional
2 – O que é importante saber sobre materiais gráficos para publicidade
3 – 5 fatores fundamentais na produção de materiais gráficos
4 – Publicidade em rádio e carro de som: como funciona?
5 – Comerciais de TV: como funciona?
6 – Publicidade externa: outdoors, busdoors e muita criatividade
7 – Painéis de LED para publicidade dão destaque e movimento a sua marca
8 – Como fazer o anúncio na mídia impressa para empresas
9 – Brindes publicitários para marcas que querem presença
10 – Boas maneiras na publicidade com faixas e cartazes
11 – Fotos corporativas: entenda o trabalho de um fotógrafo profissional

Série especial sobre empreendedorismo na Crise Econômica:

1 – Empreendedorismo em crise econômica
2 – Marketing em tempos de crise econômica
3 – Marketing e Publicidade vs Crise econômica: Investir ou se resguardar?
4 – Vale a pena a publicidade na crise econômica?
5 – Redução do marketing na crise econômica é sumir do mapa

Série especial sobre Marketing Digital:

1 – Saiba o que é marketing e coloque seu negócio a frente da concorrência
2 – Marketing digital: estratégias para quem está iniciando na web
3 – Marketing 3.0 e a forma de se relacionar com os clientes
4 – Marketing de conteúdo e a construção da sua história
5 – As vantagens do marketing de conteúdo para as empresas
6 – Como usar o marketing de conteúdo para aumentar as vendas
7 – Estatísticas comprovam que marketing de conteúdo gera resultados
8 – O que é Inbound Marketing, a nova tendência do mercado
9 – Vamos falar sobre blogs?
10 – Valorização da Marca com o seu Blog
11 – Hora de colocar o conteúdo certo no seu blog – Parte 1
12 – O conteúdo certo no seu blog – parte 2
13 – Empresas que utilizam as redes sociais têm mais visibilidade
14 – Facebook, a criação de uma página para a sua empresa
15 – Facebook Advertising, a criação de anúncios para sua empresa
16 – Twitter: o que é e como inserir sua marca
17 – Google AdWords e sua empresa no topo da página de busca
18 – Google AdWords vs Facebook Ads: Onde anunciar?

Anunciar no central da lapa