O Central da Lapa apresenta a você, caro leitor, uma entrevista com a Flávia Sampaio, campeã do Desafio Universitário Empreendedor, promovido pelo SEBRAE. Se você quer saber um pouco mais sobre esse Desafio, leia a matéria “Baiana de Bom Jesus da Lapa é campeã Nacional do Desafio Universitário Empreendedor” que explica em detalhes o que é e como foi a competição.

Entrevista com Flávia Sampaio

Entrevista com Flávia Sampaio

Entrevista com Flávia Sampaio, integrante da equipe Baiana.

  • Flávia, queremos ouvir de você, como participante, o que pode falar sobre o evento?

O Desafio Universitário Empreendedor é uma competição nacional de caráter educacional desenvolvida pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE. Com objetivo de estimular atitudes empreendedoras e preparar jovens universitários para os desafios do mercado, capacitando, desenvolvendo e aprimorando habilidades corporativas nos participantes.

O Desafio Universitário Empreendedor funciona por meio de uma plataforma composta de atividades virtuais e presenciais que integram, em torno de um ranking, todas as ações do SEBRAE e possíveis parceiros para o público universitário.

  • Você pode nos explicar como foi esse grande evento?

Possui a etapa virtual com várias atividades on-line, onde se classifica os 3 melhores colocados em cada estado para formar uma equipe e participar da etapa presencial em Brasília, fiquei em segundo lugar no estado, a Bahia teve 3.049 inscritos.

  • Conte-nos sobre o projeto que você apresentou…

Apresentamos um projeto que consiste na Criação de uma multiplataforma educacional que visa auxiliar no aprendizado da leitura e interpretação, através do armazenamento de dados, como as gravações de áudio feitas na plataforma, identificando as dificuldades e monitorando o desempenho dos alunos da melhor forma.

  • Por que você acha que seu projeto foi o vencedor?

O projeto possui viabilidade financeira, clientes, um mercado amplo e, principalmente, porque foi planejado para resolver uma questão social que impacta em tantas outras causas que influenciam no desenvolvimento e crescimento do país, a educação.

  • Em que experiências acadêmicas lhe ajudou no desenvolvimento desse projeto?

A criação do projeto foi uma experiência pessoal, pelo fato de ser mãe de uma criança de 08 anos eu observo que as escolas não possui métodos, além dos tradicionais, e a própria dificuldade dos pais em saber lidar com essas crianças, onde as mesma deveriam ter tratamento diferenciado, ou seja, aprendizagem de forma lúdica interagindo junto com a tecnologia.

A minha faculdade foi de fundamental importância, pois por estar formando em Administração a elaboração do projeto exigia conhecimentos que aprendi durante toda minha vida acadêmica, como disciplinas de empreendedorismo, elaboração de projetos, marketing, elaboração de planos de negócios, entres muitas outras.

  • Quais as maiores dificuldades encontradas para representar a Bahia no Desafio Universitário Empreendedor em Brasília?

Não foi fácil ser campeã. Foram 08 meses tendo que conciliar as atividades do desafio com estágio, trabalho, faculdade e família, mais fui persistente e conseguir vencer. A principal dificuldade foi administrar o tempo, tive que abrir mão de muitas coisas para chegar à final. Só eu sei as horas em claro e a desespero em ver os concorrentes se aproximando.

  • Qual o prêmio você recebeu como vencedora do desafio?

Como campeã estadual recebi smartphone, troféu e certificado de campeã estadual. Já como campeã Nacional recebi tablet, troféu, certificado de campeã Nacional e uma viagem internacional de até 10 dias para um centro de referência mundial em empreendedorismo.

Entrevista com Flávia Sampaio - Prêmios recebidos

Em nossa entrevista com Flávia Sampaio ela exibiu os certificados conquistados

  • Quais são suas expectativas sobre o projeto apresentado?

Assim como os outros membros da equipe, tenho o plano de implementar a plataforma. Estamos em busca de investidores que possam interessar no projeto, e que realmente possa contribuir para o desenvolvimento das crianças.

  • Você participou e venceu um evento acadêmico muito importante. Qual o impacto disso em sua carreira profissional?

Essa vitória para meu currículo é de grande importância, pois ser campeã nacional com certeza será um diferencial no mercado de trabalho, visto que esse Desafio Universitário é reconhecido entre as grandes empresas. Ser campeã demonstra que o candidato está preparado para enfrentar os desafios de um mercado cada vez mais concorrido no Brasil, inclusive melhor conhecimento para montar minha empresa.

  • Qual a importância deste resultado obtido para a educação de Bom Jesus da Lapa?

Que esse resultado sirva de exemplo para os estudantes da nossa cidade, para que não se acomodem achando que não somos capazes. Minha vitória demonstra isso: concorri com vários estudantes bem preparados, mesmo assim não desanimei. Que Bom Jesus da Lapa se torne reconhecida também por outras vitórias na educação, e que nossos gestores possam investir em melhores ferramentas para auxiliar o desenvolvimento das crianças na fase da alfabetização, que é a base para um bom histórico escolar.

  • Para encerrar nossa entrevista, para quem vai seus agradecimentos?

Dedico essa conquista a meu filho Edualdo Neto, que é por quem faço todos esses esforços, para que ele possa ter uma referência que através dos estudos podemos alcançar todos os nossos objetivos. Agradeço a Deus, minha família, amigos, a UNEB, todos os meus professores, ao Sebrae que vem incentivando jovens empreendedores e a Dema que me deu todo apoio e compreensão.

O vídeo a seguir mostra o momento exato da premiação da equipe baiana no Desafio Universitário Empreendedor, o qual dá para se ter uma noção exata da importância dessa premiação na vida de Flávia Sampaio e na história da Bahia nessa competição.

Galeria de Imagem da Entrevista com Flávia Sampaio