5 dicas de dermatologistas para ter uma pele mais jovem


Home  »  Saúde e bem-estar   »   5 dicas de dermatologistas para ter uma pele mais jovem

No mercado internacional e o nacional há uma grande oferta de produtos para melhorar sua pele, e cada vez mais caros. Os benefícios dos produtos para a pele todos já conhecem: combater o envelhecimento, prevenir ou combater rugas, acne, enfim, ter uma pele mais jovem.

Só que os dermatologistas informam que não adianta ter múltiplos produtos se o indivíduo não souber aproveitá-los. Cada vez mais as pessoas guardam na mente que quanto mais caro um produto, mais eficaz ele será. Segundo dermatologistas, isso não é sempre o caso.

o que fazer para ter uma pele mais jovem?

É comum atribuir a uma pele mais jovem o uso de cremes caríssimos.

E o que fazer para ter uma pele mais jovem?

Além de ter noção de suas compras que precisa ser de modo inteligente, os indivíduos têm a obrigação de saber como utilizar certo produto. É possível sim encontrar produtos muito eficazes a preços acessíveis. Porém, cremes de qualidade precisam de maneiras corretas no momento da aplicação.

Os especialistas andam se preocupando cada vez mais com a questão da aplicação de produtos, onde o alvo de cada profissional é ajudar e auxiliar no manuseio correto desses produtos. Por isso, o Central da Lapa, em parceria com a Clínica Beauty de Bom Jesus da Lapa, apresenta dicas de dermatologistas para ter uma pela mais jovem.

1. Protetor solar é altamente recomendado.

Por mais que a dica seja antiga, o fato é que esse produto faz muita diferença. Os dermatologistas informam que o processo de envelhecer em si que altera nossa pele nem sempre é culpa da idade, mais sim do sol. Esse elemento da natureza pode ser o responsável pela aparência velha de uma pele.

2. Fuja de bronzeamento.

É bom destacar que a palavra médica deve ser levada muito a serio. Os dermatologistas descobriram que não existe bronzeado seguro. Seja no sol ou nas câmaras de bronzeamento, você estará exposto a raios ultravioletas prejudiciais, que não só podem acelerar o envelhecimento, como podem causar câncer de pele.

3. Não fique desidratado, beba bastante água.

Até quem não é profissional da saúde sabe muito bem que é importante beber bastante água. O problema é que nem todos cumprem com algumas descrições médicas. Hidratar-se, mesmo usando faixas umedecidas com água na pele, pode ajudar a reduzir o aparecimento de algumas linhas finas e tornar a sua pele mais brilhante e jovem.

4. Teste os produtos antes de usá-los.

Acredite se quiser, mas é comum indivíduos utilizar certos produtos sem fazer o famoso teste. Qualquer que seja o produto é dever seu aplicar uma pequena quantidade no antebraço, por pelo menos duas vezes por dia durante quatro ou cinco dias. Se você não tiver uma reação, é provavelmente seguro aplicá-lo em seu rosto. Faça o mesmo procedimento com produtos rotulados de hipoalergênicos.

5. Use o produto conforme indicação

Ler as embalagens ou instruções de medicamentos parece não ser dever de ninguém. Engana-se que pensa dessa maneira. Essas informações merecem a nossa atenção, especialmente os que vão ser aplicado no seu rosto. Os ingredientes ativos dos cremes podem fazer muito mal quando são muito utilizados.

Outro ponto importante do porquê devemos ler as embalagens e instruções de produtos é que se aplicar mais do que o indicado pode causar sérios problemas como obstrução dos poros, manchas e outros efeitos indesejados.

Então, caro leitor, fique de olhos bem abertos! Para ter uma pele mais jovem e saudável não são necessários cremes caríssimos, você precisa apenas seguir as dicas da Clínica Beauty.

Publieditorial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.