A troca de amortecedores do carro


Home  »  Direção Defensiva   »   A troca de amortecedores do carro

A troca de amortecedores do carro

Um dos componentes mais importantes da suspensão de um carro, o amortecedor é a peça que assegura a estabilidade do carro em freadas e curvas. O amortecedor trabalha em conjunto com as molas, controlando os seus movimentos para que a carroceria não oscile e a mola não chegue ao final do curso.

Como uma das peças indispensáveis para a segurança de quem utiliza o veículo, os amortecedores do carro merecem uma atenção especial, por isso o proprietário do veículo deve estar sempre bem atento aos sinais que o veículo envia, aos sintomas de que pode haver algo errado com os amortecedores – que pode ser um aviso de que é chegada a hora da troca.

A troca de amortecedores do carro
Os amortecedores do carro merecem uma atenção especial!

Sintomas de que pode haver algo errado com os amortecedores

1. Vazamento – fácil de diagnosticar, uma vez que o óleo ao vazar escorre pelo amortecedor – é o fluído contido no amortecedor e que faz com que ele perca totalmente o seu funcionamento.

2. Estabilidade – o veículo dá claro sinais de estar perdendo a estabilidade, pois começa a comportar-se de forma diferente. Uma das principais formas de identificação é nas curvas, pois em algum momento o carro parece escorregar e tender a passar direto, fazendo com que o motorista precise frear ou reduzir a velocidade (o termo técnico para essa situação é “understeering”).

Caso a tendência seja o carro rodar, derrapando a traseira e fazendo com que o motorista precise corrigir a direção (termo técnico: “oversteering”), é porque os amortecedores já perderam muito de seu funcionamento e ainda pior, se isso é constante, é sinal de que os amortecedores não funcionam mais.

3. Vibrações e barulhos – esse sintoma é bem fácil de perceber, principalmente em terrenos irregulares ou esburacados, pois além do carro vibrar mais, nota-se um barulho seco, como se tivesse algo batendo – isso porque o amortecedor não controla mais os movimentos da suspensão e apenas as molas estão atuando.

4. Roda quicando – ao passar por um terreno irregular, a roda sobre e desce de forma muito rápida. Esse teste pode ser feito junto com outra pessoa, que pode ficar observando para ver se isso acontece. Em caso positivo, é sinal de que os amortecedores já estão vencidos e então, já se sabe o que tem que fazer para não colocar a segurança em risco.

Vida útil dos amortecedores do carro

A vida útil de um amortecedor é variável, pois depende bastante das condições sob as quais os veículos trafegam – ruas regulares ou irregulares ou terrenos acidentados, por exemplo. Outra questão a considerar é a carga que o veículo costuma carregar, caso ele ande frequentemente carregado, certamente muito rapidamente o amortecedor deixará de funcionar.

As montadoras costumam estabelecer prazos, como 30.000 e 60.000 km, mas sempre considere as condições citadas acima.

Lembrando que ter os amortecedores do carro em bom funcionamento gera também uma certa economia de combustível, mas o mais importante é garantir a segurança do motorista e dos passageiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.